Trabalhar com os outros
2 Agosto, 2017

Indústria 4.0 e gestão de pessoas

A chamada indústria 4.0 – digitalização dos processos fabris – está a transformar as linhas de produção nas fábricas das economias desenvolvidas. Este movimento acaba inevitavelmente com muitas funções que são hoje normais, especialmente as rotineiras e de baixo valor acrescentado, executadas por mão de obra pouco qualificada.

Neste quadro, as empresas para sobreviverem, terão inevitavelmente que investir na reorganização e na digitalização dos procedimentos de análise, decisão e acção dos processos fabris, ao mesmo tempo que terão que reforçar os níveis de qualificação das suas pessoas, de modo a rentabilizarem os investimentos que realizam nesse processo de digitalização.

Contudo, isso não é suficiente: muitas das empresas que quiserem vencer terão também que repensar as suas práticas de gestão de recursos humanos e reformularem-nas em consonância com as exigências das pessoas que marcam a diferença na indústria digital 4.0.